jusbrasil.com.br
23 de Outubro de 2017

Tá difícil montar o escritório? 3 Dicas de como atender seu cliente sem precisar alugar

No começo, as vezes é difícil ter uma verba disponível para locação de um espaço para atendimento aos clientes, mas afinal, realmente é necessário alugar uma sala?

Philipe Monteiro Cardoso, Advogado
há 21 dias

Para se inscrever no canal: https://www.youtube.com/cardosoadv?sub_confirmation=1


Caro leitor (a), baseado na minha própria história, resolvi criar este artigo e gravar o vídeo acima, contando algumas ideias para você que ainda não conseguiu montar seu próprio escritório de advocacia e se vê na necessidade de atender seus clientes em um espaço físico.

Quero iniciar abordando este tema, lhe fazendo uma indagação, e acredite, esta é uma das mais importantes. Afinal, você realmente precisa de um espaço físico para atendimento?

Responder a pergunta acima, tem grande relevância pois vejo diversos colegas indo no caminho contrário ao da locação, que é justamente entregando suas salas comerciais e atendendo no esquema home office.

Portanto, considere que se você ainda não tem uma cartela de clientes grande, ou não faz tantos atendimentos físicos, talvez não seja o melhor momento para se comprometer com as despesas de um local físico. 

Inicialmente, não deixe de trazer seu escritório para a presença online, comece criando seu espaço virtual com um website, tenha um email próprio e não aqueles @gmail ou @yahoo (não que seja um problema, mas um email @fulanoadvogados é bem mais interessante e profissional).

Com a tecnologia que temos hoje, podemos montar um espaço online, atender nosso cliente via Skype, whatsapp, email e telefone, tudo isto sem precisar de um local físico, afinal por experiência própria, vejo muita gente evitando o deslocamento até um local físico e optando pela contratação online.

Então a primeira ideia que quero fixar na sua mente é que considere ter um escritório virtual, realizar contratações online e possibilitar este tipo de facilidade ao seu cliente.

Mas e o escritório físico?

Ter um espaço físico para atendimento, também é imprescindível, mas apenas se você realmente tiver volume para isto, considere necessário um local caso você tenha estagiários, funcionários e precise de um lugar mais sossegado para trabalhar. Afinal nem todo mundo se adapta ao home office.

Mas ao contrário do que disse anteriormente, existe também aquele cliente que sente confiança em um escritório físico, em um endereço que possa ir e reclamar ou agradecer do serviço prestado.

Temos que considerar também aqueles casos mais complexos que exigem um atendimento mais pessoal, com uma conversa direta para uma melhor interpretação do caso, o que muitas vezes é difícil tratar através de emails ou telefone.

Então vamos as minhas dicas de como você pode conseguir atender seu cliente em um escritório sem precisar arcar com as despesas de aluguel ou financiamento de uma sala comercial.

Primeira dica - Procure pelos escritórios modelos da OAB    

Esta primeira dica, vai para um serviço que você já paga, isto mesmo, você paga por ele quando está em dia com sua anuidade da OAB, portanto recomendo que procure em sua seccional ou subseção se a ordem disponibiliza escritórios modelo para atendimento.

Falando de onde sou, aqui no Rio de Janeiro, já tive o prazer de utilizar uma das salas e a experiência foi muito boa, não cheguei a utilizar o espaço para atendimento ao cliente, mas pude usar a sala para agilizar alguns trabalhos que precisavam ser encaminhados no mesmo dia, não tendo tempo hábil para voltar em meu escritório e me dirigir novamente ao forum.

Como cada seccional pode ter regras diferentes para utilização do espaço, recomendo sempre entrar em contato antes.

Segunda dica - Procure locais que aluguem horários de salas

Está ai um serviço que vem ganhando alguma força por aqui, que é o aluguel de horários para utilização de uma sala comercial.

Esta prática é interessante tanto para o advogado recém formado como para aquele que usa o escritório apenas como ponto de atendimento, afinal porque arcar com despesas de uma sala para ter a mesma disponível 30 dias no mês, 24 horas por dia quando você atende 5, 10, 15 clientes durante todo o período.

Considerando o exemplo acima, vocÊ pode precisar de 15 horas por mÊs de disponibilidade de um espaço físico quando está contratando 720 (média de horas em um mÊs). Considere a economia que será alugar horários pontuais para aquele atendimento.

Fazendo buscas naquele site que manda a gente desapegar das coisas, encontrei alguns anúncios sobre empresas que fazem este serviço, considere buscar também no Google por locais próximos a você.

Terceira dica - Procure pelo coworking

Outra prática que vem ganhando força, e que fora do país é bastante comum, é a conhecida como coworking, que é a união de pessoas ou empresas para locar um mesmo espaço físico e exercer suas atividades de forma independente e assim economizar com as despesas da manutenção do local.

E esta prática é até fácil de ser exercida, você pode junto com um colega de faculdade por exemplo, não formar a sociedade com o ele, mas porque não dividir as despesas de um mesmo espaço físico para ambos atenderem seus clientes?

A questão mais importante que vocÊ deve considerar caso adote o coworking, é ajustar os horários de atendimento ou utilização da sala, caso o espaço seja pequeno, mas se estivermos falando de uma sala grande, com dois locais de atendimento, nada obsta que ambos trabalhem no mesmo instante.

Gostou das dicas? Acompanhe estes sites para ter muito mais conteúdo jurídico:

www.direitoemcurso.com.br

www.comercioeletronicolegal.com.brá

4 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Gostei das dicas.
Aqui em PE, pelo menos, o povo gosta mesmo é de comparecer ao escritório do advogado, viu?
Sentem mais segurança.
A ideia de dividir salas é excelente, mas deve-se peneirar bem esta decisão, evitando dores de cabeça posteriores.
Em tempo de grana curta, certamente as dores de cabeça são enormes!
Falta dinheiro, mas sobra problema.
Gostei do seu artigo, viu?
Um abraço e obrigada pela postagem, Dr.Monteiro! continuar lendo

Olá Fátima, obrigado pelo seu comentário.

Muito legal a interação.

Realmente existe a sensação de segurança quando o cliente tem um local para onde ir caso seja necessário. continuar lendo

Parabéns pelas dicas meu nobre colega. Gostei muito do seu texto. Aqui em Goiás, mais especificamente em Quirinópolis, venho utilizando dos meios eletrônicos de atendimento, e quando o cliente quer ser atendido de forma presencial, marco um horário com o mesmo, e o atendo na sala do meu amigo que também é advogado a mais tempo, que inclusive fiz estágio com ele. Tem dado certo, espero logo ter minha sala.

Um abraço, e sucesso na carreira do Sr.

Att: Dr. Fernando Alves OAB/GO: 50.338 continuar lendo

Olá Fernando um bom dia.
Obrigado pelo comentário.

Excelente explanação, realmente é muito melhor fazer as coisas com calma no seu devido tempo. Com certeza o tempo da sua sala chegará, e fazendo as coisas com cautela não terá problemas futuros de liquidez. continuar lendo